top of page

Notícias | Informações

01

PESQUISE

02

LEIA

03

PARTILHE

04

@GLNP

DIA INTERNACIONAL DA MULHER – 08 DE MARÇO DE 2024

 

Nesta data especial é ocasião para reflectir sobre a história das Mulheres, as suas lutas e conquistas, reconhecendo o papel fundamental que desempenham na sociedade.


Em Portugal, assim como em outros países, esta data é assinalada com eventos, homenagens e debates sobre os direitos das Mulheres e a igualdade de género.


A história do Dia Internacional da Mulher remonta ao início do século XX, num período de grande agitação social e política, marcado por movimentos operários e reivindicações de direitos civis.


Em 1908, em Nova Iorque, trabalhadoras de uma fábrica têxtil fizeram uma greve exigindo melhores condições de trabalho e o direito de voto.


Este acontecimento trágico resultou num incêndio na fábrica que vitimou muitas dessas Mulheres, em sua homenagem e em defesa dos seus direitos, foi instituído o Dia Internacional da Mulher.


Ao longo das décadas, as Mulheres têm desempenhado um papel crucial no desenvolvimento da sociedade, desde as lutas pelos direitos laborais e pelo sufrágio feminino até à participação activa em movimentos sociais, as Mulheres têm sido agentes de mudança e progresso.


Em Portugal, não foi diferente, durante a ditadura do Estado Novo, as Mulheres enfrentaram várias restrições e discriminações, mas muitas delas participaram na luta pela liberdade e democracia.


Com a Revolução dos Cravos, a 25 de abril de 1974, Portugal viveu uma transformação política e social significativa, as Mulheres desempenharam um papel importante neste processo, participando activamente em manifestações e contribuindo para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária.


Após a revolução, foram alcançadas importantes conquistas, como a legalização do divórcio, a igualdade no acesso à educação e ao mercado de trabalho.


Contudo, apesar dos avanços, ainda há muito por fazer para garantir a plena igualdade de direitos e oportunidades para as Mulheres, a violência de género, a disparidade salarial e a sub-representação política são apenas algumas das questões que continuam a desafiar a sociedade Portuguesa.


É fundamental que todos se unam nesta batalha, promovendo a consciencialização, a educação e acções concretas para eliminar todas as formas de discriminação e violência contra as Mulheres.

 

Neste Dia Internacional da Mulher, celebremos as conquistas alcançadas, nunca esquecendo, porém, o renovar do compromisso de continuar a lutar pelos direitos das Mulheres.


Apenas através do respeito, da solidariedade e da colaboração poderemos construir um mundo onde todas as Mulheres possam viver livres de discriminação e violência, e onde o seu potencial e contribuições sejam plenamente reconhecidos e valorizados.

 

A Oriente de Portugal, 08 de Março de 2024


Nuno Tinoco

XV Grão-Mestre da Grande Loja Nacional Portuguesa


コメント


bottom of page